Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
26/01/18 às 17h52 - Atualizado em 19/04/18 às 18h24

Proteção de crianças no carnaval motiva campanha para conscientizar foliões

COMPARTILHAR

 

Com a chegada dos festejos do carnaval de Brasília em 2018, a atenção a crianças e adolescentes que queiram brincar na folia deve ser redobrada. Neste ano, a previsão é que mais de 2 milhões de pessoas passem por cerca de 200 eventos carnavalescos no DF.

Nesse ambiente, os riscos são agravados, informa Aurélio Araújo, secretário de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude. “Grandes aglomerações favorecem o desaparecimento de crianças e violação de direitos, como exploração de trabalho infantil e abusos”, explica.

Para fortalecer a segurança dos pequenos foliões, a secretaria lança, neste sábado (27), a campanha Direito de ser criança, direito de brincar o carnaval. O objetivo é conscientizar a população sobre o tema, por meio de material educativo como leques, adesivos e cartazes.

A equipe mobilizada pela pasta estará no bloco infantil de pré-carnaval Suvaquinho da Asa, no gramado da Funarte.

Parte do programa Criança Candanga, a iniciativa é uma forma de fortalecer a construção de uma cultura em que a população tenha consciência do papel no combate à exploração e ao abuso infantil em qualquer ambiente.

“Proteger crianças e adolescentes é responsabilidade de todos. Precisamos da atenção dos foliões para que tenhamos um carnaval seguro e saudável”, reforça o secretário.